A parceria que faz a força

Para crescer, empresas investem na gestão conjunta e mostram a importância da união no competitivo mundo dos negócios


Tendência do mercado há algum tempo, a parceria ganha força e abre possibilidades de crescimento no mercado globalizado. Se antes os empresários se preocupavam em expandir seus negócios e explorar novos territórios sozinhos, hoje, o mundo business percebeu que o aliado pode fazer a diferença na busca por essas conquistas. O aumento da concorrência levou a uma necessidade maior de destaque no mercado e na busca por soluções que garantam o lugar ao sol das empresas, que passaram a caminhar juntas e a investir na parceria.
A união de grandes grupos possibilitou a modificação na forma de fazer negócio. A estratégia de aliar-se a um nome de peso começou a ser vista com bons olhos no mundo empresarial e grandes investimentos foram feitos no sentido de agregar valor aos novos grupos do mercado. Engana-se, porém, quem pensa que as parcerias nasceram apenas para as grandes empresas. Por não haver a necessidade de muito investimento, a parceria se torna a oportunidade ideal para micro e pequenos empresários que complementam seus serviços e agregam valor ao seu negócio.


Explore novos mercados 

Entre as vantagens de uma boa parceria, está a possibilidade de expansão do negócio por meio de integração e solidificação de novos mercados. “As parcerias permitem que as empresas se consolidem cada vez mais e possam acompanhá- lo na velocidade que a economia demanda, criando melhores condições de atendimento e alcançando fatias maiores do mercado”, garante o advogado do escritório Guimarães & Vieria de Mello, Leonardo Guimarães. Ele expõe que “dependendo do foco da parceria, a principal vantagem que a empresa pode alcançar é ampliar seus serviços para uma área que antes não atuava e conquistar um novo mercado”.


Aprenda com os erros

É preciso estar preparado para imprevistos ou rompimento nos negócios. Se o interesse comum dá origem à parceria, o fim pode chegar por motivos variados. Novos rumos ou incompatibilidade de ideias podem acontecer e, para que nenhuma das partes saia prejudicada, é bom ter em mãos o contrato assinado no início da negociação para que se entre em um acordo. Mamoud do Grupo CGK garante: “se há alguma desvantagem na parceria, ela está ligada à palavra ganância. A parceria não é uma amizade, é um negócio”.


TIPOS DE PARCERIA 
As necessidades específicas de cada empresa determinarão o tipo adequado de parceria para o negócio.

Se a parceria for por um tempo pré-determinado, ela terá um tempo de duração para o desenvolvimento do projeto;
A comunicação da empresa pode ser trabalhada por meio da parceria de marketing, na qual são investidas ações de publicidade nas variadas mídias;
O setor administrativo e financeiro da empresa pode ficar a cargo da parceria de gestão, que cuidará exclusivamente dessa área;
A parceria de exportação visa a ampliação dos negócios para o mercado externo por meio da introdução ou solidificação da empresa em novas áreas
PARA ENTENDER A DIFERENÇA 
O conceito é muito mais amplo, abaixo segue uma forma simplificada:

Parceria: é uma forma de colaboração mútua na qual as partes buscam a realização de um objetivo comum com atividades específicas
Sociedade: é a união de pessoas que se propõe a contribuir com bens ou serviços com a finalidade de exercer uma atividade econômica e partilhar os resultados
Associação: é a união de pessoas que se organizam para fins não econômicos


Fonte : http://www.revistagestaoenegocios.com.br


CONFIRA OS PARCEIROS DA SJK 

Visite Nosso Novo Site www.sjktransportes.com.br

Anuncie sua marca me nosso Blogger