Detonação de rochas interdita rodovia dos Tamoios nesta semana

Detonação de rochas interdita rodovia dos Tamoios nesta semana


Usuários devem ficar atentos e evitar a rodovia nos períodos previstos para as operações com interdição
A rodovia dos Tamoios será interditada entre as 12h e 14h dos dias 19 e 21 de junho, em ambos os sentidos, para operação de desmonte de rochas, necessário às obras de duplicação do Trecho de Planalto. Os trabalhos de detonações estão previstos para ocorrer entre as 12h e 13h, nos dois dias. A primeira intervenção será no trecho do km 16, em Jambeiro; a segunda, em Paraibuna, no km 37,4. A interdição é necessária para garantir a segurança dos usuários da rodovia e moradores da região durante os desmontes. 

Os usuários da Tamoios devem ficar atentos, pois interdições deste tipo deverão acontecer com frequência durante todo o período de obras. 
Assim, a Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A) recomenda que os usuários planejem a viagem, de forma a evitar os horários previstos para as operações que exijam interupção de tráfego no local. As rodovias que podem ser usadas como rotas alternativas na região são a rodovia Mogi-Bertioga (SP-098), rodovia Rio-Santos (SP-055) e a rodovia Oswaldo Cruz (SP-125). 

Apesar de a Dersa ter programado as detonações para os dias e horários anunciados, a operação pode ser adiada em caso de condições meteorológicas desfavoráveis ou de problemas técnicos. 

Detonações 

Estes serão os primeiros desmontes de rochas decorrentes das obras de duplicação na rodovia. Estima-se que serão utilizados 385 kg de explosivos para a operação. O primeiro maciço rochoso a ser detonado, com 105 kg de dinamite, no dia 19, deverá gerar o volume de 300 m³ de pedras, o que equivale a 30 caminhões com capacidade de 10 m³ cada. Já o maciço que será desmontado dia 21, com 280 kg de explosivo, irá produzir 800 m³ de pedras, ou seja, 80 caminhões cheios. 

A Dersa está tomando todas as medidas necessárias para garantir a segurança dos usuários da rodovia e dos moradores da região. Além disso, equipes da Polícia Militar Rodoviária e do Departamento de Estradas de Rodagem estarão presentes para apoiar toda a operação. 

Obras de duplicação 

As obras de duplicação do Trecho de Planalto, entre os quilômetros 11,5 e 60,4, da Rodovia dos Tamoios começaram dia 2 de maio e são executadas pelo Consórcio Encalso - S.A. Paulista, que apresentou a melhor proposta comercial para a duplicação dos Lotes 1 e 2, R$ 279,1 milhões e de R$ 278,3 milhões, respectivamente, o que representou desconto de 32% sobre os valores de referência. 

O valor do convênio Dersa/DER para o empreendimento é de R$ 1,050 bilhão, valor que compreende, além das obras brutas, licenciamento ambiental para os trechos de Serra, Contorno Sul e Contorno Norte, programas e compensações ambientais, desapropriações, gerenciamento, projeto executivo e obras complementares. 

A duplicação da Tamoios, que opera em pista única em quase todos os seus 80 quilômetros, entre São José dos Campos e Caraguatatuba, pretende melhorar a qualidade operacional, elevando o nível de segurança do trecho, melhorando o nível de serviços, aumentando a fluidez, e dando maior conforto aos usuários, assim como economia nos custos de viagem. A duplicação atende principalmente a demandas urbanas, de moradores e trabalhadores da região. 

Fonte : vnews.com.br

0 comentários :

Postar um comentário

Anuncie sua marca me nosso Blogger